9 sinais de que você tem que mudar a sua vida urgentemente

Nós todos vamos morrer. Você pode ser atingido por uma doença ou um ônibus em alta velocidade. Escolhas de estilo de vida, juntamente com fatores ambientais, podem levar a uma morte prematura. E é sério, você não vai acreditar nessas terríveis doenças que você poderia ter sem saber.

Mas podemos fazer muitas coisas para ganhar mais tempo. Se os seguintes sinais se aplicarem a você, é possível que o ceifador venha muito mais cedo do que você gostaria. Confira a seguir 9 sinais de que você tem no máximo uns 10 anos de vida:

9 – Você está constantemente quebrando ossos

Se você quebrou seu braço, você não precisa se preocupar. Mas se você quebrar os ossos consistentemente depois de certa idade (digamos, seus 40 e poucos anos), isso pode ser um sinal vermelho. Especificamente, pode ser um sinal de que sua saúde óssea está diminuindo e você está ficando fisicamente mais fraco. Isso pode entrar em cascata em outras questões, como artrite e mobilidade limitada, o que pode afetar seu estado geral de saúde.

8 – Inchaço e inflamação

Experimentar inchaço constante e consistente e inflamação nas articulações e extremidades é outro ponto de exclamação. Existem, é claro, muitas razões pelas quais você pode experimentar inflamação. Mas se for um problema crônico, isso pode significar que suas células estão morrendo e seu corpo está se deteriorando ativamente. Se as articulações, ligamentos e outras partes do corpo estiverem constantemente inchadas, procure assistência médica.

7 – Mudanças de apetite

Você tem comido mais ou menos do que o habitual? Isso pode ser um sinal de que você não viverá por muito mais tempo. Normalmente, as pessoas começam a comer menos do que antes quando a morte está próxima, diz o pessoal da Healthwise da Universidade de Michigan. Isso pode ser um sinal de alteração do metabolismo e pode desempenhar um papel em outros sintomas, como fadiga.

6 – Um fraco senso de olfato

Nosso olfato é importante por muitas razões, mas à medida que envelhecemos, ele pode desaparecer. Todos nós já vimos pessoas mais velhas que têm dificuldade em ver ou ouvir, e da mesma forma, podemos perder o sentido do olfato. A má notícia: estudos ligam a perda do olfato à morte que se aproxima rapidamente. Em um estudo delineado no PLoS ONE, perder a capacidade de cheirar foi identificado como um biomarcador em muitas composições genéticas que a vitalidade estava desaparecendo e a morte era iminente em cinco anos. Pode ser apenas uma associação, mas ainda é alarmante.

5 – Sua forma física

Se você quer viver bem em seus 60, 70 ou além, você precisa levar sua condição física a sério. Isso significa ter um IMC dentro do intervalo recomendado – ou não estar acima do peso ou ser obeso. A obesidade pode absolutamente devastar o seu corpo, de modo que muitas das causas mais comuns de morte (incluindo câncer e doenças cardíacas) estão intimamente ligadas ao excesso de peso. Você está fora de forma e não faz exercício algum? Considere isso como um sinal de que você não durará muito tempo.

4 – Fadiga crônica

Sempre cansado? Isso pode ser uma indicação de que seu metabolismo está em fluxo. Também pode afetar a quantidade de exercício que você faz e seu apetite. Há muitas razões pelas quais as pessoas podem estar cansadas o tempo todo e pode até ser um distúrbio sério como a síndrome da fadiga crônica. Só isso pode ser fatal. E se você está sempre exausto? A melhor opção é consultar um médico e determinar se esse é um sintoma de um problema maior.

3 – Você senta o dia todo

Seja em um escritório ou em frente à TV, sentar o dia todo simplesmente não é bom para você. Um novo estudo, publicado no American Journal of Epidemiology, descobriu que mulheres mais velhas que permanecem sentadas por 10 ou mais horas por dia têm telômeros mais curtos – “tampas” de proteção nas extremidades dos filamentos de DNA. Os pesquisadores consideram essa prova que essas mulheres têm células que são biologicamente 8 anos mais velhas do que as idades cronológicas das mulheres. (Então você pode ter, digamos, 65, mas ter as células de uma pessoa de 73 anos). Nota: Fique mais de pé e reserve um tempo para exercícios e faça um alongamento completo de 15 minutos pelo menos uma vez por dia.

2 – Você não leva o seu trabalho muito a sério

Os workaholics podem estar condenados pelo estresse, mas se você não se esforçar ou se orgulhar do que faz, poderá ter ainda mais problemas. Pesquisadores do Longevity Project, da Universidade da Califórnia, em Riverside, descobriram que as pessoas mais comprometidas com seus empregos e que continuaram a ser produtivas durante toda a vida tendem a viver mais tempo do que as que estavam nela apenas pelos salários. Se você não quiser perder sua vida prematuramente, encontre uma carreira que seja significativa e dê o seu melhor sempre.

1 – Muitos de seus alimentos vêm em uma caixa ou invólucro

Se comidas processadas são sua opção principal, então é uma aposta segura que a qualidade de sua dieta é muito ruim. Isso faz com que você fique mais propenso a se tornar obeso, o que aumenta o risco de doenças cardíacas, diabetes e certos tipos de câncer, diz Jampolis. Pessoas que comem alimentos saudáveis ​​– aqueles que têm uma pontuação alta no “Índice Alternativo de Alimentação Saudável” – têm um risco 25% menor de morrer cedo por qualquer causa.

[Cheat Sheet] [Prevention]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.